ângulo + proteção + destaque

A Florense, loja de móveis planejados, situa-se em um dos eixos comerciais mais movimentados da cidade, a Avenida Epitácio Pessoa. Entre as premissas do projeto, estavam:

• Expor os produtos através de vitrines de vidro;

• Proteger a fachada oeste do Sol intenso da tarde, sem comprometer a visualização do interior;

• Marcar presença no contexto urbano, suspendendo a edificação em relação à cota da calçada.

Notadamente silenciosa, graças à arquitetura de linhas retas, volumetria purista e monocromatismo do branco nas superfícies, é perceptível a influência Sizaniana, sobretudo pelo uso do anteparo desprendido da fachada poente de vidro, a qual atua, simultaneamente, como elemento de proteção solar e de composição plástica da edificação. Este componente funcional e estético é fixado por vigas ocultas de concreto armado no topo e por sutis perfis metálicos pintados de branco. Para a estrutura não interferir na arquitetura, pilares cilíndricos foram recuados dos limites, liberando a vedação com panos de vidro transparente.

Valorizando a condição de esquina, duas empenas brancas e em balanço, uma delas com a logomarca da empresa, sugerem o encontro entre as faces.

Por sua localização privilegiada de esquina, o acesso à loja se dá pela escada que se encontra na quina, reforçando a condição de encontro entre ruas, ou pela rampa lateral. Ao subir até a cota + 1.60m, o usuário se depara com hall de pé-direito duplo, o que lhe possibilita visão parcial do mezanino, provocando-lhe a curiosidade e convidando-o a conhecer o espaço no pavimento superior, que também expõe móveis da franquia internacional.